Rádios Comunicadores Motorola para Hotéis

Comunique-se com total clareza e uma qualidade de áudio excepcional.

A possibilidade de comunicar-se em cada canto de seu complexo turístico é vital para o normal funcionamento de suas operações.

E a tecnologia digital do MOTOTRBO pode marcar a diferença. Oferece comunicações de voz mais claras em uma área mais estendida, em comparação com os rádios analógicos, que perdem intensidade de sinal com a distância e produzem estática que pode atrapalhar o usuário.

MOTOTRBO oferece voz e dados com total fidelidade, praticamente sem perda em toda a área de cobertura. Assim você pode conectar-se com seus empregados, independente de onde estejam dentro de seu estabelecimento.

Radios-Motorola_para-Hotéis

 

O DESAFIO

Independente de gerenciar toda uma rede de hotéis ou um hotel boutique, oferecer serviço aos viajantes a negócios ou para aqueles que estão fazendo turismo, você concorre em um segmento altamente concentrado, com muitas opções de entretenimento e comerciais.

Oferecer uma qualidade de serviço realmente excepcional que permita a você diferenciar-se entre seus concorrentes é uma das principais maneiras de reter o cliente e aumentar os níveis de
fidelidade. Como fazer para oferecer a seus hóspedes a experiência que desejam obter? Como conseguir manter-se competitivo e garantir o funcionamento normal de suas operações? Como fazer para melhorar os níveis de satisfação do cliente ao mesmo tempo em que se consegue reduzir seus custos operacionais?

A SOLUÇÃO

O Sistema MOTOTRBO, com tecnologia TDMA, é a solução ideal. Nosso sistema de comunicação digital profissional combina o melhor da funcionalidade do rádio bidirecional com os últimos avanços em tecnologia digital. Integra voz e dados sem inconvenientes, e oferece funções otimizadas e fáceis de usar.

Ao utilizar tecnologia digital TDMA (Time Division Multiple Access), o MOTOTRBO permite preservar a largura total do canal dividido em dois canais virtuais dentro de um único canal repetidor licenciado de 12.5 kHz, ou seja, obtém-se melhor uso do espectro com o dobro da capacidade que oferece a tecnologia analógica.

Como não requer uma segunda repetidora ou infraesrutura adicional, também permite economizar em custos de equipamento. A TDMA oferece o desempenho e a flexibilidade para apoiar os requisitos dos profissionais móveis em praticamente qualquer indústria.

Fonte: oluapmot

Sistema Mototrbo Motorola para Mineração

Como gerente de operações de uma empresa mineradora, você está sempre pressionado a dar à diretoria um melhor retorno do investimento, garantir a segurança dos trabalhadores, e atender às rigorosas regulamentações governamentais. Apesar das voláteis condições do mercado, a crescente concorrência e os inconvenientes causados pelo tempo de inatividade do maquinário, espera-se que você aumente a produção e reduza os custos.

Para maximizar suas operações, você precisa de dispositivos de comunicação confiáveis e fáceis de usar que possam melhorar a eficiência, colaboração, segurança e rápida resposta de sua equipe a qualquer incidente; as comunicações que permitem a você completar projetos de maneira adequada e dentro do orçamento destinado à sua equipe.

O DESAFIO

Sua rentabilidade depende do volume de sua produção e de sua eficiência operacional.
Para otimizar sua produtividade e garantir a segurança de seus trabalhadores, você precisa de comunicações sólidas e sem interrupções. Com o aumento do preço dos produtos e as limitações orçamentárias, você dispõe de muito pouco capital para substituir um sistema integral de comunicações. Como você pode evitar os custos associados à contínua atualização e substituição de seus equipamentos de comunicação?
Como você pode adotar a potência da tecnologia digital que lhe traz mais benefícios com menos custo sem perder seu investimento no analógico?
A SOLUÇÃO

O Sistema MOTOTRBO, com tecnologia TDMA, é a solução ideal. Nosso sistema de comunicação digital profissional combina o melhor da funcionalidade do rádio bidirecional com os últimos avanços em tecnologia digital. Integra voz e dados
sem inconvenientes, e oferece funções otimizadas e fáceis de usar. Com uma qualidade de voz excepcional e bateria de longa duração, o MOTOTRBO mantém sua mão-de-obra móvel conectada com excepcional qualidade de voz mesmo nos ambientes mais exigentes e nos locais mais remotos. Ao utilizar tecnologia digital TDMA (Time Division Multiple
Access), o MOTOTRBO permite preservar a largura total do canal dividido em dois canais virtuais dentro de um único canal repetidor licenciado de 12,5 kHz; ou seja, obtém-se
melhor uso do espectro com o dobro da capacidade oferecida pela tecnologia analógica. E, como não requer um segundo repetidor ou infraestrutura adicional, também permite
economizar nos custos do equipamento. A TDMA oferece o desempenho e a flexibilidade para apoiar as exigências de profissionais móveis em praticamente qualquer indústria.
Beneficie-se com um rádio que aumenta o volume automaticamente para cobrir o ruído ensurdecedor das perfuradoras.

Nossas novas séries de rádios MOTOTRBO:

DGP™8000/DGP™5000 e DGM™8000/DGM™5000 oferecem

Fonte: oluapmot

Mototrbo Solução Capacity plus

MOTOTRBO CAPACITY PLUS

Como uma solução de tronqueamento digital dimensionável para único local, o Capacity Plus amplia a capacidade do seu sistema de comunicação MOTOTRBO ainda mais Mais de mil usuários de rádio compartilham de forma rápida e eficiente comunicações empresariais críticas de dados e voz no mesmo sistema sem a necessidade de adicionar novas frequências.

CARACTERÍSTICAS E BENEFÍCIOS

O MOTOTRBO Capacity Plus é uma solução de comunicação de alta capacidade, de dados e voz que:

  • Oferece cinco vezes a capacidade de um sistema convencional analógico e até três vezes a capacidade de um sistema de tronqueamento analógico
  • Oferece duas vezes a capacidade de um sistema digital convencional MOTOTRBO
  • “Tronqueia” até 12 caminhos de conversa de voz digital
  • Permite até 24 caminhos adicionais de dados dedicados
  • Acomoda até 1.200 rádios
  • Integra ambos os aplicativos de voz e dados, tais como serviços de localização com GPS, mensagens de texto, telemetria e muito mais, no mesmo sistema
  • Oferece capacidade de chamadas de todo o sistema para a comunicação com todas as pessoas de uma só vez
  • Suporta o utilitário do Repetidor de Diagnóstico e Controle MOTOTRBO (RDAC) para ajudar a garantir o desempenho contínuo de seu sistema
  • Integra-se com sistemas MOTOTRBO existentes através de uma simples atualização de software

Fonte: Motorolasolutions

Samu do Paraná terá sistema de radiocomunicação digital

Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) do Paraná vai migrar do sistema de radiocomunicação analógico para o digital a partir deste ano. A mudança vai melhorar a qualidade da transmissão de informações entre as centrais de regulação e as equipes que atuam no resgate e atendimento pré-hospitalar da população.

Os novos equipamentos estão sendo instalados em todas 183 ambulâncias e 12 centrais de regulação do Samu em funcionamento no Estado. Além disso, 80 antenas repetidoras vão garantir a cobertura do sinal digital em todo o território paranaense.

Segundo o coordenador de Urgência e Emergência da Secretaria estadual da Saúde, Vinícius Filipak, o sistema digital permite uma comunicação mais clara entre os profissionais, aumenta o alcance da cobertura do sinal e facilita o trabalho de localização das ambulâncias, visto que os aparelhos operam com GPS integrado.

“Desta forma, as centrais de monitoramento podem acompanhar o deslocamento das ambulâncias em tempo real, inclusive verificando as melhores rotas e calculando o tempo de chegada até o local de destino”, destaca o coordenador.

Outra diferença é que, diferente do sistema analógico, a transmissão digital só pode ser recebida por aparelhos previamente configurados, o que torna a comunicação mais segura e sigilosa. “Este tipo de frequência garante a confidencialidade das informações e acaba com a possibilidade de interferência”, informa Filipak.

Até agora, a radiocomunicação digital já foi implantada em Curitiba e Região Metropolitana, Foz do Iguaçu e Litoral. As próximas regiões beneficiadas serão Apucarana e Maringá. A intenção é finalizar esse processo de conversão até dezembro deste ano.

SERVIÇO – O Samu do Paraná atende pelo telefone 192 e está disponível em 289 municípios. Isso representa uma cobertura de quase 80% da população paranaense. A orientação é que o serviço seja acionado em casos de urgência, como casos de infarto, acidente vascular cerebral (AVC), hipertensão arterial e febre alta, cortes e fraturas, entre outros.

COMO FUNCIONA O SAMU:

• Ao discar o número 192, o cidadão acionará a central de regulação do Samu, que conta com profissionais de saúde treinados para dar orientações de primeiros socorros por telefone.

• São estes profissionais que definem o tipo de atendimento, ambulância e equipe adequada para cada caso. O Samu deve ser acionado em caso de urgência.

• Há situações em que basta uma orientação por telefone. Outras em que uma equipe de socorristas é deslocada para prestar o primeiro atendimento e encaminhar o paciente para a unidade especializada.

 

Fonte:bemparana

Os desafios do consumidor em tempos de convergência digital

Em tempos de convergência digital, está cada vez mais árdua a escolha do consumidor final frente a tantas opções de serviços de telecomunicações. Por parte das concessionárias de telecomunicações o investimento é pesado, seja no âmbito da telefonia fixa ou móvel. Um verdadeiro bombardeio de propaganda e serviços é dirigido ao consumidor, que ao se deixar seduzir pela propaganda mais engraçada, pode errar feio na hora de decidir qual operadora ou plano de serviço melhor atende suas necessidades.Na radiocomunicação não é diferente. Sem exagero, ouso pensar que seja um pouco mais complicado do que o exemplo acima, especialmente porque vivemos um período de transição de tecnologia com os equipamentos analógicos com os dias contados e os equipamentos digitais na aurora de seus dias. Afora isso, diferentemente dos serviços públicos de telecomunicações, o serviço limitado privado destinado para aqueles que possuem uma rede particular de telecomunicações com repetidores, torres e infraestrutura própria, tem prazos diferentes de migração condicionados a data limite de validade prevista em suas respectivas outorgas.

Além da questão de regulamentação jurídica, há outras mais complexas ainda que afete a própria tecnologia. Na plataforma de radiocomunicação DMR (Digital Mobile Radio), não há soluções de software homologadas pelos fabricantes, sendo de suma importância para não comprar gato por lebre a realização de testes de viabilidade técnica com a intenção de aperfeiçoar a compatibilidade de integração com outros dispositivos, caso comum em se tratando da transmissão de dados. Nesses casos, para não errar, tem que ser como São Tomé, ver pra crer, planejar um teste piloto, dimensionar qual a capacidade de dados que o sistema deve comportar, e após verificar a viabilidade prática do sistema, adquirir o serviço com o custo benéfico certo.

Antes de contratar um sistema de radiocomunicação digital, convém simular os custos de manutenção que decerto virão ao longo dos anos. Embora a maioria dos fabricantes de radiocomunicação concedam um ou dois anos de garantia do produto, esta limita-se apenas a defeitos de fábrica, sendo a maioria das ocorrências em um parque de rádios advinda de má utilização, portanto sem cobertura. Atenção especial merece alguns acessórios importantes como o custo e durabilidade das baterias, no caso dos rádios portáteis. Como ter, implica em manter, assim como num carro, o maior investimento não é comprar o bem, mas sim mantê-lo.

Nesse cenário, opção a ser levada em conta é a da locação dos equipamentos na qual a empresa locadora deve garantir o equipamento em funcionamento por um preço pré-determinado. A polêmica entre o que é mais vantajoso, comprar ou alugar, é antiga e depende de como o gerente do contrato encara o serviço. Administrações mais modernas não hesitam em alugar, sendo comum a esse perfil de administrador delegar e cobrar resultados com SLA (Service Level Agreement), ou acordo de nível de serviço, previamente acordados.

Adriano Fachini é empresário do setor de telecomunicações e presidente da Aerbras – Associação das Empresas de Radiocomunicação do Brasil.

 Fonte: Administradores

Exército Brasileiro adquire soluções de radiocomunicação digital da Motorola Solutions para a segurança da Copa das Confederações

Sistemas de última geração serão usados nas seis sedes da competição e proporcionarão mais eficiência e ampla cobertura em pontos críticos

O Exército Brasileiro está adiantado nos preparativos para a Copa das Confederações e anuncia a compra de tecnologia da Motorola Solutions, provedora líder em serviços e soluções de comunicação de missão crítica para governos e empresas, que serão utilizadas na segurança durante os jogos em junho, no Brasil. Os sistemas digitais de radiocomunicação de voz criptografada também serão utilizados na Copa do Mundo de 2014, podendo haver expansão, de acordo com as necessidades do evento.

Com as soluções adquiridas, o Exército poderá exercitar o comando e controle de seus efetivos e cumprir com eficácia as missões pelas quais será responsável na Copa das Confederações. O projeto já está em fase de implementação, e a primeira etapa de testes começou em abril, com previsão de término para o fim de maio de 2013. O sistema fará a cobertura, principalmente, em pontos considerados críticos, como os estádios e arenas, os centros de treinamento das equipes, hotel em que as delegações estarão hospedadas e aeroportos. Em locais mais distantes, sem cobertura da rede, serão utilizadas soluções móveis (repetidoras), que permitem a criação de uma rede para comunicação segura.

Pontos importantes

- As soluções serão utilizadas durante a competição nas cidades-sede: Brasília, Fortaleza, Recife, Belo Horizonte, Salvador e Rio de Janeiro.

- Para Brasília será mantida a tecnologia da Motorola Solutions já utilizada desde 2011.

- O contrato contempla a compra de rádios dos modelos APX2000, XTL e XTS.

– O sistema digital de radiocomunicação vai permitir que todas as cidades- sede do evento estejam interligadas por uma rede IP.

– Cada Estado terá visualização local, mas todo o monitoramento poderá ser feito pelo Exército em Brasília, de onde será possível acessar todas as posições e localizações das tropas, por meio do sistema de GPS dos próprios rádios, interligados às soluções do Exército, associadas às soluções da Motorola Solutions.

“Assim, como a Copa das Confederações é um pré-evento para a Copa do Mundo, será também um momento ímpar para que possamos pôr em prática nossos planejamentos para 2014. Dessa forma, esperamos estar prontos para as demandas de cooperação na área da segurança, contribuindo com os diversos órgãos envolvidos no âmbito federal e estadual, participando deste grande momento do Brasil. É importante ressaltar ainda que todos os equipamentos ficarão como legado, que será extremamente útil para as determinações de nossa presidenta, além dos limites dos grandes eventos”, diz o comandante de Comunicações e Guerra Eletrônica do Exército brasileiro, general Santos Guerra.

“Estamos sempre em busca de excelência em todas as soluções de segurança que oferecemos para o mercado. Ficamos muito honrados por fazer parte de um momento tão importante para o País e poder contribuir para que o mundo veja o Brasil como referência em segurança”, afirma Paulo Cunha, presidente da Motorola Solutions Brasil.

Fonte: Maxpressnet