Mude o Sistema Analógico de Rádios para Digital

Agora o rádio profissional está dando o maior passo da história: a migração do analógico para digital. Certas pressões associadas a exigências regulamentares e as necessidades do mundo exigem maior eficiência de espectro. Os legisladores estão requerendo a divisão de canais que historicamente realizam uma só ligação para que possam realizar duas ligações simultâneas. Isto significa que praticamente o mundo inteiro usará tecnologia digital no futuro.

Os rádios profissionais bidirecionais licenciados revolucionaram as comunicações durante décadas e atualmente continuam fazendo isto com milhões de pessoas. De lojas de varejo a portos marítimos, de locais de construção a salas de convenções…são sinônimos de confiabilidade, durabilidade e conveniência.

O rádio digital oferece muitas vantagens em comparação ao analógico, inclusive uma melhor qualidade de ligação para maiores distâncias, maior privacidade, maior duração de baterias, etc. Por isto é fundamental considerar a tecnologia digital hoje, de maneira
que quando você estiver pronto para atualizar sua solução escolha o sistema que oferece maiores benefícios a longo prazo.

MELHOR QUALIDADE DE VOZ

OUÇA E SEJA OUVIDO COM CLAREZA, SEM RUÍDO, ESTÁTICA OU DISTORÇÃO
Quando se usa um rádio analógico, qualquer som do ambiente, mesmo no ruído de fundo, é detectado e transmitido. A tecnologia digital é mais pura. Apenas pega sua voz, a codifica, a transfere e torna a convertê-la em uma mensagem inteligível na outra ponta. O rádio digital apenas pega o som da voz e o transmite, filtrando e eliminando o ruído de fundo. O resultado é uma clareza de voz excepcional.

A interferência de rádio provoca a estática em um rádio analógico e faz com que a conversação se torne menos inteligível. A voz fica distorcida e a mensagem precisa ser
repetida. O rádio digital conta com correção automática de erros, permitindo a reconstrução dos sons da voz e a manutenção da clareza da voz, mesmo com um sinal bastante comprometido. E, como a mensagem é codificada de maneira digital, você beneficia-se com funções mais inteligentes, como supressão avançada de ruído, que invalida o ruído em ambientes altamente barulhentos.

MAIOR ALCANCE

SUA VOZ SE MANTÉM FORTE E CLARA EM TODA A ÁREA DE COBERTURA
Embora os sinais de todos os rádios enfraqueçam na medida em que se afastam da área de cobertura, a qualidade de voz dos rádios analógicos se distorce com muito mais rapidez. No ponto mais distante da área de cobertura, embora a intensidade do sinal seja igual, a voz digital será clara e inteligível enquanto a voz analógica ficará mais distorcida e degradada pela estática.

Os rádios digitais contam com correção de erros integrada que elimina a estática e garante que as chamadas de voz sejam ouvidas com clareza a distâncias maiores. Não
serão mais notados vibração, interferência, ruído de fundo ou distorção. A tecnologia digital mantém a integridade da voz em todos os pontos da área de cobertura.

MAIOR DURAÇÃO  DE BATERIA

COMUNIQUE-SE COM MAIS TEMPO COM UMA SÓ CARGA

A duração da bateria representa um desafio completo para todos os dispositivos móveis. A tecnologia digital consome muito menos energia para transmitir (quase a metade da
tecnologia analógica). É por isto que reduz a descarga da bateria e melhora o tempo de conversação. Você pode ficar tranquilo sabendo que, se estiver usando um rádio digital, sua bateria durará até 40% a mais por carga.

Embora tanto os rádios analógicos como os digitais consumam praticamente a mesma energia no modo standby, assim que começa a transmissão, os rádios digitais consomem
muito menos. Este é um fator importante para usuários de uso frequente e intensivo que dependem do funcionamento ininterrupto de seus rádios durante o turno completo de trabalho e não precisam parar para trocar baterias ou recarregar o rádio.

Fonte:oluapmot

Rádio Comunicador Digital DTR620 Motorola

O Rádio DTR620 Não é necessário nenhum tipo de licença para utilizar os rádios de 900 MHz. Além disso, para reforçar a segurança, esses rádios apresentam transmissão por salto de freqüência (FHSS) com 50 grupos não sobrepostos. Ao contrário dos rádios analógicos, é possível comunicar-se com diversos grupos simultaneamente no mesmo local. Porque os rádios digitais Motorola atendem melhor às suas necessidades. O aumento da cobertura, a vida útil da bateria e a qualidade do áudio não são as únicas vantagens dos nossos novos rádios digitais.

Além de todos esses benefícios, você poderá usufruir de várias características operacionais de ponta que nunca estiveram disponíveis antes. E em breve você irá se perguntar como conseguiu trabalhar sem elas.

A tecnologia digital do rádio portátil DTR620 permite que cada rádio tenha sua própria identificação digital. Dessa forma, você consegue se comunicar de forma mais versátil e pode contar com as seguintes opções de chamada:

Chamada Digital Individual

Permite chamar e falar privativamente com um usuário específico. Pode receber alertas audíveis ou vibratórios e possui identificador de chamadas.
Chamada Digital para Grupo

Chamada pública de grupo – todos os rádios da Série DTR com a mesma identificação de grupo e canal comunicam-se entre si, de forma similar aos analógicos.

Chamada de grupo privativa – os rádios da Série DTR podem ser programados comunicação entre grupos específicos. Nesse caso, o usuário que faz a chamada identificado pelo nome do grupo.
O identificador de chamada também permite:

Transferência de chamada para outros membros do grupo – notifica os demais usuários do mesmo grupo que você está indisponível, permitindo-lhes comunicação com o usuário para o qual você direcionou suas chamadas.

Identificação de chamada – o usuário que recebe a chamada visualiza quem chama. Se o nome do usuário que está chamando estiver na lista de contatos, mesmo aparecerá no visor do rádio que recebeu a chamada.

Mensagens de texto (SMS) – o equipamento apresenta dez opções de mensagem, como por exemplo, “Retorno sua chamada em 5 minutos”. Além disso, é possível digitar mensagens atendendo às necessidades específicas.

Lista dos últimos contatos – apresenta os nomes, sejam de grupos ou individuais, que chamam com maior freqüência para facilitar o seu acesso. Você pode também visualizar a lista das últimas chamadas com os respectivos dados de origem, destino, data e hora.

Tudo isso somado gera uma combinação perfeita de características para melhor atendê-lo e a um preço acessível.

http://www.oluapmot.com.br/dtr-620-motorola-dtr-620.php

Fonte: Oluapmot

 

Rádio Comunicador DEP450 Motorola

Simples e econômico, o rádio digital/analógico bidirecional portátil DEP 450 mantém seus funcionários conectados de modo eficiente, além de crescer junto com o seu negócio. Combinando o melhor da funcionalidade dos rádios bidirecionais com as mais recentes tecnologias digital e analógico, o DEP 450 é perfeito para o usuário do dia a dia que deseja ficar sempre conectado. Totalmente compatível com a família MOTOTRBO de rádios, o DEP 450 possui qualidade de áudio superior, excelente cobertura, bateria de longa duração e muito mais.

Você também pode escolher o modelo DEP 450 apenas analógico, que fornece ótima comunicação por voz hoje, e, quando você estiver pronto, ele também estará pronto para lhe oferecer comunicação digital clara e nítida. Tudo que você precisará será uma simples atualização de software.

Não importa quais são as suas necessidades, o DEP 450 é uma solução simples, confiável e de baixo custo para ajudar equipes a se manterem conectadas, coordenadas e colaborando para fazer o melhor trabalho. Melhore a eficiência da sua operação com a comunicação por voz fácil de usar que melhor se ajusta a você.

Fonte:oluapmot

 

 

Sistema de Comunicação para Portos

O principal desafio do mercado portuário na região é elevar seu desempenho e eficiência, assim como melhorar sua competitividade para alcançar nível internacional. Isto leva à necessidade urgente de adaptar, planejar e atualizar a infraestrutura portuária reparando-a para atender aos crescentes desafios comerciais, ao crescimento das operações, ao aumento progressivo do comprimento dos barcos de carga que exigem uma capacidade operacional cada vez maior, e às contínuas ameaças à segurança.

As prioridades para se atingir este objetivo incluem:

ESTABELECER COMUNICAÇÕES CONFIÁVEIS

Grande parte das instalações portuárias já têm instaladas bases de redes com fio que estão em uso há anos e ainda servem para comunicações de grandes ativos como guindastes de plataforma e edifícios dentro do porto. Mas hoje, os requisitos de tecnologia estão em constante evolução. É necessário adotar conectividade móvel confiável e contínua que admita os novos aplicativos atuais e do futuro em um ambiente propenso a interferências,
onde 15 minutos de interrupção na conectividade representa até 8 horas de
demora comercial.

ACELERAR A PRODUTIVIDADE OPERACIONAL E REDUZIR CUSTOS

Os portos passaram de simples estações de transferência de cargas para a função de pontos importantes da cadeia logística de transporte, importação, exportação e distribuição. Isto implica sua integração na cadeia produtiva e a movimentação do porto
com um enfoque logístico empresarial que acelere ou diminua o tempo de circulação e armazenagem da carga para atender à programação, mantenha controle permanente de ativos e contêineres e contribua para a redução dos custos, levando em conta que a perda de um contêiner representa até US$1 milhão em custos adicionais.

GARANTIR A SEGURANÇA PORTUÁRIA INTEGRAL

Manter o difícil equilíbrio entre segurança e eficiência, ou seja, sem interromper o fluxo das operações, não é tarefa fácil. A segurança portuária integral inclui proteção pessoal,
industrial e prevenção de riscos. Consiste em detectar, prevenir e responder a qualquer ameaça em tempo real; assegurar o conhecimento da situação em todas as áreas e aspectos
do porto; monitorar e proteger seu extenso perímetro e estar atento ao movimento dos estivadores. Mais dos 45% dos acidentes mais perigosos ocorrem pela congestão do terminal e pela sobrecarga dos contêineres. Os portos passaram de simples estações de transferência de cargas para a função de pontos importantes da cadeia logística de transporte, importação, exportação e distribuição. 

Fonte:oluapmot

Coordene as equipes com o uso do dep450

Quando você precisa de uma solução de comunicação simples, confiável e rentável para ajudar a conectar e coordenar várias equipes de trabalho capazes de colaborar entre si, considere os rádios portáteis bidirecionais  DEP 450, projetados para fazer o trabalho de maneira correta. Com seu design ergonômico fácil de usar e um áudio forte e claro, agora suas equipes podem trabalhar de maneira mais eficiente.

Libere o potencial de seus rádios DEP 450 com acessórios Motorola Original®. São os únicos acessórios projetados, construídos e testados com seu rádio para otimizar seu
desempenho. (Para obter informações sobre o portfólio completo, consulte a folha de dados.)
MELHORE A MANEIRA DE TRABALHAR

Um trabalhador da construção leva consigo seu DEP 450 como elemento básico de seu jogo de ferramentas. A tecnologia digital proporciona a você uma excelente cobertura em todo o local. E também conta com uma bateria muito mais duradoura, de modo que você sabe que dispõe de comunicações de voz confiáveis durante todo o dia.

O pessoal da área de fabricação de uma fábrica de peças confia nos terminais portáteis DEP 450 para a coordenação de suas operações. O software de cancelamento de ruído digital filtra o pior do ruído de fundo, permitindo ouvir com total clareza acima do ruído do maquinário. A capacidade da fábrica está expandindo-se, de modo que se decidiu implantar a funcionalidade de Modo Direto de Capacidade Dual de MOTOTRBO, que duplica a quantidade de chamadas admitidas em um mesmo espectro.
Um guarda de segurança utiliza seu DEP 450 para alertar a sala de controle de certas atividades suspeitas. O design  intuitivo do rádio é fácil de usar na escuridão, e pode até
mesmo sussurrar sabendo que o AGC (Controle Automático de Ganho) digital automaticamente aumentará o volume para que sua mensagem seja ouvido com total clareza no escritório. E, se estiver em apuros, você pode usar um dos botões laterais
programáveis para pedir ajuda com um só toque.

Fonte: Oluapmot

Equipamentos digitais modernizam radiocomunicação em São José

radiocomunicação-digital

Houve um acréscimo de qualidade, e isso ajuda muito no dia a dia” diz o operador da Guarda Civil Municipal, Vanderlei Graciano (Foto: Divulgação/PMSJC)

O serviço de radiocomunicação da prefeitura de São José dos Campos agora é totalmente digital. Um grupo de 60 servidores passará por treinamento, até esta quinta-feira (17), no auditório do Centro de Operações Integradas (COI), para entender e aprender a operar o novo sistema e multiplicar a informação aos setores que utilizam o recurso na administração.

A prefeitura possui 700 terminais de rádios portáteis instalados em veículos oficiais. O sistema permite o diálogo entre os usuários em trânsito, principalmente com os operadores das cabines de atendimento do COI. Toda ocorrência que chega ao COI através do 190 é repassada via rádio com o objetivo de acelerar as providências necessárias.

“Esses novos equipamentos mostram a posição exata da viatura e o local onde o servidor estiver utilizando o modelo portátil, pois têm um sistema de GPS integrado”, disse o coordenador do Centro de Operações Integradas (COI), inspetor regional Elvis de Jesus, da Guarda Civil Municipal, se referindo a uma das ferramentas que torna o atendimento emergencial mais ágil.

A inovação tecnológica permite maior sigilo nas comunicações operacionais intersecretarias, além da ampliação na área de cobertura e a agregação de novos serviços. Os equipamentos passaram a ser operados no sistema totalmente digital, em que a transmissão das informações tem mais qualidade sonora, dados em letreiros digitais e emissão de protocolos de segurança.

A principal diferença entre os rádios digitais e os analógicos está na maneira como as informações são processadas pelo sistema. As transmissões de voz e dados são feitas por ondas de rádio, entretanto, os rádios digitais convertem as comunicações em uma série de números ou dígitos (combinação binária), preservando a qualidade das transmissões, tornando o sistema mais eficiente e dinâmico, além de mais seguro.

Essas qualidades na comunicação têm sido os fatores de maior relevância enfatizados pelas equipes de trabalho que atendem as ocorrências na rua. “Houve um acréscimo de qualidade, e isso ajuda muito no dia a dia de quem precisa se comunicar de forma rápida e eficiente”, disse o operador da Guarda Civil Municipal, Vanderlei Graciano.

Além de tornar a comunicação mais moderna, a mudança foi considerada necessária, já que o sistema analógico, implantado em 1988, era mais suscetível a interferências, ruídos e invasões clandestinas. O novo sistema passou por testes e já está em funcionamento em aparelhos usados pelas secretarias de Defesa do Cidadão, Desenvolvimento Social, Saúde, Administração e pela Urbam (Urbanizadora Municipal).

O servidor José Carlos Toledo, da Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS), relata que na última semana, graças ao novo sistema, um agente da Ronda Social recebeu o apoio da Guarda Civil Municipal e da Polícia Militar instantes após o acionamento via rádio. “O aparelho funcionou perfeitamente e em menos de cinco minutos chegaram as viaturas, e além disso agora temos qualidade de áudio nas comunicações”, afirmou o servidor, que trabalha na cabine de despachos da SDS no COI.

Fonte: Portalr3

Como a radiocomunicação pode ajudar os aeroportos na Copa do Mundo

Como a radiocomunicação pode ajudar os aeroportos na Copa do Mundo? 

Muitos que frequentam aeroportos já devem ter se perguntado: como funciona os bastidores da operação aeroportuária que permite que milhões de pessoas diariamente se desloquem em voos nacionais e internacionais? Como é monitorada a rotina de transporte de bagagens, abastecimento de aeronaves, dentre tantas outras? Radiocomunicação. Este é o segredo da operação por trás da logística de toda a infraestrutura aeroportuária.
A radiocomunicação permite acesso imediato e conversação em grupo dos diversos setores que suportam e prestam serviço à administração dos aeroportos. Com o advento da Copa do Mundo a questão é: será que estamos preparados para um volume de passageiros muito maior que o normal? Nossa experiência cotidiana nos aeroportos nos indica que ainda há muito por fazer.
Hoje o sistema de radiocomunicação dos aeroportos não possui um padrão único, havendo a convivência de tecnologias de diferentes gerações, que possibilitam diferentes níveis de serviço aos diversos grupos usuários. Tal situação gera verdadeiras ilhas entre as diversas redes, muitas vezes incompatíveis entre si.
O ideal para que o serviço de radiocomunicação operasse com excelência seria a padronização e modernização do serviço de radiocomunicação como um todo, permitindo que todos os usuários tivessem a mesma qualidade de serviço em termos de cobertura e facilidade de acesso a serviços de telecomunicações como telefonia móvel e internet, por exemplo.
Muitos aeroportos do mundo utilizam a tecnologia Tetra, que além do serviço de radiocomunicação suporta também serviços de operadoras de telefonia móvel, tudo no mesmo equipamento. Dentre outras vantagens, a tecnologia Tetra possui acesso a serviços de telefonia móvel (GSM – Global System for Mobile), que possibilita o acesso à rede de dados 2G e 3G.
Por conta disso, a tecnologia Tetra é utilizada em muitos aeroportos europeus, haja vista o alto grau de interoperabilidade (acesso a diversas plataformas de informação) e confiabilidade. Quem sabe agora no novo ambiente de terceirização dos aeroportos, haja espaço para o planejamento, atualização e reestruturação do serviço de radiocomunicação de modo a aperfeiçoar a eficácia e eficiência das operações aeroportuárias de um modo global?
No que tange a logística, é pacífico o entendimento que uma boa plataforma de informação é requisito indispensável para o sucesso de qualquer empreendimento. Esperamos, como cidadãos, que um dos legados da Copa do Mundo, no que tange aos aeroportos, seja a modernização desse importante equipamento público, especialmente o sistema de radiocomunicação.
Dane Avanzi é advogado, empresário do setor de engenharia civil, elétrica e de telecomunicações. É diretor superintendente do Instituto Avanzi, ONG de defesa dos direitos do consumidor de telecomunicações e vice-presidente da Aerbras – Associação das Empresas de Radiocomunicação do Brasil.

 Fonte: Correio popular

PF exige radiocomunicação em transportes de valores

Em decisão acertada, a diretoria executiva do Departamento de Polícia Federal voltou a exigir para o serviço de transporte de valores a utilização de equipamentos de radiocomunicação como meio principal de comunicação entre veículo e filial. Ademais, segundo a UIT (União Internacional de Telecomunicações), agência da ONU especializada em telecomunicações, a radiocomunicação é a ferramenta de comunicação mais eficaz no combate a situações de emergência e catástrofes em geral.

Dentre as principais tarefas da UIT está a organização, debate e estudos sobre o desenvolvimento do setor de telecomunicações em âmbito mundial. Para tanto, todos os países signatários da ONU (192 nações) participam enviando delegações, além dos principais fabricantes de produtos e operadoras de telecomunicações de todo o mundo.

Há na UIT grupos de estudos específicos dos diversos tipos de ferramentas de telecomunicações hoje disponíveis no mercado. Após avaliar todas as tecnologias existentes atualmente, a agência conclui que o meio de comunicação mais confiável é a radiocomunicação. Dentre as principais características desse serviço, a mais relevante de todas é o fato de ser instantânea. Simplesmente, aperta-se um botão e transmite-se a mensagem, em tempo real. Não precisa discar, digitar sequências de números ou letras, nem depende de torres, que numa emergência podem não funcionar — caso da telefonia móvel, por exemplo.

O despacho consta na Portaria 30.491/2013 — GAB/CGCSP, que pode ser lida na íntegra no site da Aerbras. Segundo parecer do próprio órgão, a decisão fulcra-se em aspectos práticos e científicos apontados por especialistas que entenderam ser a radiocomunicação o único meio de garantir comunicações instantâneas, especialmente nas chamadas ponto a ponto. Tais chamadas são necessárias no momento mais crítico da operação, em que a guarnição de dois ou três vigilantes deixam o carro forte e se encaminham até o caixa 24 horas para seu abastecimento. Muitos desses locais, como shopping centers e hipermercados, não possuem cobertura do serviço de telefonia móvel satisfatória, o qual vinha sendo utilizado como comunicação principal, fato que causou a morte de muitos vigilantes em situações como essa por falta de comunicação.

Nesse momento não pode haver falhas nas comunicações entre vigilantes e carro-forte e entre carro-forte e escritório da empresa de transporte de valores. Dados de 2013 apontam um aumento nos roubos ao setor no país. No estado de São Paulo subiram 250% no ano de 2102 em relação a 2011. O serviço móvel privativo, comumente chamado de serviço de telefonia celular, poderá ser utilizado como subsidiário ou complemento de comunicação em outros casos que não sejam de missão crítica.

* Adriano Fachini, empresário do setor de telecomunicações, é presidente da Aerbras (Associação das Empresas de Radiocomunicação do Brasil).

Fonte: JB Jornal do Brasil

MOTOTRBO SL é o rádio digital mais fino e mais leve do mundo de sua classe

Os aparelhos da série SL chegam à região em um formato compacto, com todos os recursos oferecidos pelos rádios MOTOTRBO

A Motorola Solutions, Inc. (NYSE: MSI) anuncia a chegada dos novos rádios MOTOTRBO série SL na América Latina. A série passa a fazer parte do portfólio profissional de comunicações digitais da empresa, destacando-se principalmente por seu design discreto e ultraleve. Além de seu tamanho, o rádio possui voz e aplicativos de dados potentes, perfeitamente adequados para executivos em escritórios ou em amplos ambientes industriais.

A série SL foi criada para o padrão de rádio móvel digital (DMR). Possui um botão que pode ser programado com os recursos favoritos dos funcionários, para transformar o rádio em um dispositivo mais ágil, com menos botões, e um teclado numérico de fácil utilização, para que o usuário visualize dados na tela de maneira mais rápida.

Pontos importantes

• A série SL suporta o maior portfólio de aplicações de dados da indústria, tais como gestão de tíquetes de ordens de serviço, e-mails, despachos, monitoramento de rede e interconexão telefônica.
• O áudio Bluetooth® integrado permite conectar acessórios de áudio sem adaptador externo.
• Qualidade excepcional de áudio, com anúncio de voz para confirmação de canais/zonas e botões programáveis. A série SL oferece três botões programáveis, que permitem até nove funcionalidades favoritas, com fácil acesso às mais utilizadas.
• A série SL possui display colorido, resistente e de alta resolução, que detecta automaticamente a iluminação ambiente e ajusta o brilho para melhor visualização em todas as condições de iluminação.
• O rádio possui áudio inteligente, que ajusta automaticamente o volume para se adequar ao nível do ruído ambiente. Continuar lendo