Acesso a internet móvel é o principal problema, segundo a Anatel

O acesso a rede de dados (internet de alta velocidade) das operadoras de telefonia móvel é o principal problema que vem sendo enfrentado pelos consumidores segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). A conclusão faz parte da primeira avaliação trimestral – meses de agosto, setembro e outubro de 2012 – do “Plano Nacional de Ação de Melhoria da Prestação do Serviço Móvel Pessoal” divulgada nesta quarta-feira.

A Claro, a Oi, TIM e a Vivo não conseguiram atingir a meta de conexões de internet móvel, de 98%. Dessas empresas, as três primeiras foram proibidas de vender chips e fazer novas habilitações de celulares, entre 23 de julho e 2 de agosto do ano passado, em vários estados, por apresentaram problemas de qualidade de serviços.

O estudo aponta a situação desses serviços nas cidades do país com mais de 300 mil habitantes. No Rio de Janeiro, a operadora com o melhor indicador – que superou todas as metas, de dados e voz – foi a Oi. A Vivo ficou com o segundo melhor resultado, abaixo da meta de acessos à internet (de 98%) em dois meses, com resultados de 97%. A Tim não atingiu a meta de acessos de dados (internet)no Rio e ficou com resultados entre 93,8% e 94,5%. Por fim, a Claro obteve o pior resultado para a internet, com resultado entre 88,5% a 94,1% dos acessos.

Segundo o estudo, em todo o país, as empresas conseguiram superar o percentual meta para acesso à rede de voz, que era de 95%. Porém, para a rede de dados, o setor ficou abaixo da meta em setembro e outubro. Na análise da queda de chamadas e conexão, as empresas conseguiram atender a meta, ficando abaixo do máximo de desconexões permitido pela regra.

Para acompanhar a qualidade dos serviços a Anatel está registrando os indicadores de Desempenho de Rede; o atendimento ao Usuário; a interrupções do Serviço de Telefonia Móvel; e os investimentos para o triênio 2012-2014.

O SindiTelebrasil, associação que reúne as empresas de telecomunicações, informou que o plano divulgado pela Anatel demonstra uma melhoria na qualidade dos serviços para diversos indicadores nos meses de agosto, setembro e outubro de 2012. Em nota, ela informa que na queda de chamadas, o desempenho das operadoras “é satisfatório, tendo sido registrado um índice de queda de menos de 1%, bem melhor que o limite permitido, que é de 2%”.

A associação também afirma que a queda de conexão da internet pelas empresas móveis apresentou “um índice melhor que a meta estipulada, e ainda houve redução entre agosto e outubro”. Em agosto, o índice de queda foi “de 3% e em outubro foi de menos de 2%”

Fonte: Globo.com



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>