MOTOROLA – EXÉRCITO ADQUIRE SOLUÇÕES DE RADIOCOMUNICAÇÃO DIGITAL PARA A SEGURANÇA DA COPA DAS CONFEDERAÇÕES

SÃO PAULO, 16 de maio de 2013 – O Exército Brasileiro está adiantado nos preparativos para a Copa das Confederações e anuncia a compra de tecnologia da Motorola Solutions, provedora líder em serviços e soluções de comunicação de missão crítica para governos e empresas, que serão utilizadas na segurança durante os jogos em junho, no Brasil. Os sistemas digitais de radiocomunicação de voz criptografada também serão utilizados na Copa do Mundo de 2014, podendo haver expansão, de acordo com as necessidades do evento.

Com as soluções adquiridas, o Exército poderá exercitar o comando e controle de seus efetivos e cumprir com eficácia as missões pelas quais  será responsável na Copa das Confederações. O projeto já está em fase de implementação, e a primeira etapa de testes começou em abril, com previsão de término para o fim de maio de 2013. O sistema fará a cobertura, principalmente, em pontos considerados críticos, como os estádios e arenas, os centros de treinamento das equipes, hotel em que as delegações estarão hospedadas e aeroportos. Em locais mais distantes, sem cobertura da rede, serão utilizadas soluções móveis (repetidoras), que permitem a criação de uma rede para comunicação segura.

Pontos importantes

• As soluções serão utilizadas durante a competição nas cidades-sede: Brasília, Fortaleza, Recife, Belo Horizonte, Salvador e Rio de Janeiro.
•   Para Brasília será mantida a tecnologia da Motorola Solutions já utilizada desde 2011.
•   O contrato contempla a compra de rádios dos modelos APX2000, XTL e XTS.
•  O sistema digital de radiocomunicação vai permitir que todas as cidades- sede do evento estejam interligadas por uma rede IP.
•   Cada Estado terá visualização local, mas todo o monitoramento poderá ser feito pelo Exército em Brasília, de onde será possível acessar todas as posições e localizações das tropas, por meio do sistema de GPS dos próprios rádios, interligados às soluções do Exército, associadas às soluções da Motorola Solutions.

“Assim, como a Copa das Confederações é um pré-evento para a Copa do Mundo, será também um momento ímpar para que possamos pôr em prática nossos planejamentos para 2014. Dessa forma, esperamos estar prontos para as demandas de cooperação na área da segurança, contribuindo com os diversos órgãos envolvidos no âmbito federal e estadual, participando deste grande momento do Brasil. É importante ressaltar ainda que todos os equipamentos ficarão como legado, que será extremamente útil para as determinações de nossa presidenta, além dos limites dos grandes eventos”, diz o comandante de Comunicações e Guerra Eletrônica do Exército brasileiro, general Santos Guerra.

“Estamos sempre em busca de excelência em todas as soluções de segurança que oferecemos para o mercado. Ficamos muito honrados por fazer parte de um momento tão importante para o País e poder contribuir para que o mundo veja o Brasil como referência em segurança”, afirma Paulo Cunha, presidente da Motorola Solutions Brasil.

Fonte: Defesanet

Radiocomunicação na copa do mundo 2014

A Oluap Radiocomunicação oferece soluções de comunicação para as empresas. Através de locação, venda e assistência técnica especializada. Estamos preparados para o maior evento esportivo do mundo que será realizado no Brasil: Copa do mundo 2014. Portanto, entendemos que a utilização dos rádios comunicadores é muito importante e fundamental para segurança, agilidade na comunicação deste evento.

Aluguel de rádios Motorola

Aluguel de rádios Motorola

Polícia aposta na tecnologia para garantir segurança na Copa

A Polícia Militar do Distrito Federal (DF) fez hoje (17) demonstrações de algumas tecnologias que ajudarão a garantir a segurança de turistas e torcedores durante a Copa do Mundo. Os equipamentos – na maioria voltados à troca e centralização de informações visando a uma rápida tomada de decisões pelas autoridades – já vêm sendo usados de forma rotineira. Mas o grande teste será durante o evento esportivo que ocorrerá em junho e julho.

A final do campeonato local, disputada hoje entre os times Brasília e Luziânia, servirá de teste dessas tecnologias. Dos seis ônibus especialmente equipados para ajudar a polícia a planejar as ações, quatro são comandos móveis. Um ônibus é dedicado ao comando-geral, onde as autoridades ficam reunidas e outro será usado para negociações e gerenciamento de crises.

As imagens obtidas por cerca de mil câmeras espalhadas pelas cidades do DF podem ser acessadas nesses centros de comando. Além disso, há um caminhão plataforma com seis câmeras de observação elevada, que ficará estacionado na Torre de TV de Brasília, local estratégico para observar a movimentação de chegada ao Estádio Nacional Mané Garrincha, onde sete jogos da Copa serão disputados. O Corpo de Bombeiros tem um caminhão similar, que ficará estacionado próximo à Fifa Fan Fest, no Taguapark, na cidade de Taguatinga.

Nos dias de jogos, 540 das mais de 3 mil viaturas estarão na área central do DF. “A frota conta, ainda, com quatro helicópteros que, em no máximo 20 minutos, chegam a qualquer ponto do DF”, disse o diretor de Logística e Finanças da PM, coronel Alexandre Antônio.

Celulares e tablets poderão ser usados por policiais militares para enviar imagens, em tempo real, de qualquer parte do DF, aos centros de comando. “Nosso objetivo é colocar a polícia no lugar certo, no momento certo, de forma a potencializar o aparato [humano e material] de que disponibilizamos”, disse o chefe do Departamento Operacional da PM, coronel Jaílson Ferreira.

“Foram investidos R$ 25 milhões na rede corporativa que abrange instalações de torres e transmissão de dados. No terceiro trimestre, faremos licitação para a rádio comunicação”, informou o diretor de Logistica e Finanças da PM, coronel Alexandre Antônio.

Fonte: Parana-online

Anatel publica normas para uso de radiofrequências

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) publicou nesta segunda-feira, 12, no Diário Oficial da União (DOU) o regulamento sobre autorização de uso temporário de radiofrequências para cobertura de eventos diversos, incluindo a demonstração de produto emissor de radiofrequências e a visita oficial ao Brasil de autoridades estrangeiras ou embarcações e aeronaves militares estrangeiras.

Segundo o texto, poderão obter autorização para uso temporário de radiofrequências pessoas naturais ou jurídicas. Essa autorização é outorgada em caráter secundário, independentemente da atribuição ou destinação da faixa e por período determinado, não tendo o interessado direito à proteção contra interferências prejudiciais, inclusive de estações do mesmo tipo, não podendo causar interferência em sistemas operando em caráter primário.

“Caso venha a provocar interferência prejudicial em sistema de radiocomunicação regularmente autorizado, a transmissão deve ser imediatamente interrompida até a remoção da causa da interferência, não sendo este fato gerador de qualquer direito à prorrogação do prazo de vigência da autorização de uso temporário de radiofrequências ou ressarcimento dos valores recolhidos”, diz o regulamento.

A norma ainda determina que, se houver viabilidade técnica, a autorização de uso temporário de radiofrequências deverá ser precedida de competente aprovação pelo Ministério das Comunicações.

 Fonte:Parana-online