Exército expande trial de LTE para o Rio de Janeiro

O Exército brasileiro anunciou a extensão do trial de LTE (Long Term Evolution), na frequência de 700MHz, para o Rio de Janeiro. O teste, que teve início em maio de 2012, em Brasília, com a Motorola Solutions mostrou os benefícios da utilização da tecnologia para a melhoria dos serviços públicos no País.

A expansão consistirá em um novo site, que será instalado no Palácio Duque de Caxias, e cobrirá a região do estádio do Maracanã e arredores, podendo também ser movido para atender às necessidades de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) do Exército, na “Operação São Francisco”, na região do Complexo da Maré.

Com isso será possível realizar testes de comprovação da tecnologia em situações práticas, com foco nas aplicações de transmissões de vídeo em tempo real em viaturas em movimento, além de ampliar as capacidades de comunicação de voz, possibilitar a interoperabilidade com redes comerciais e rádios padrão P25, e melhorar a qualidade do centro de operações (COP) do Exército, onde se terá acesso a uma quantidade maior de informações. O Exército também poderá acessar informações de comando e controle em qualquer região do Brasil, por meio de sua rede (EBnet).

O trial já possui outros quatro sites instalados em Brasília que cobrem toda a Esplanada dos Ministérios e áreas de interesse do Exército, como aeroporto, Estádio Mané Garrincha e infraestruturas críticas, possibilitando a utilização por outras agências de segurança da capital federal.

O teste continuará a ser comandado pelo centro do Exército em Brasília e haverá um link seguro, que fará a conexão das duas cidades. Também estão previstos testes com câmeras em motocicletas de batedores, que transmitirão informações em tempo real para o COP instalado no Comando Militar do Planalto (CMP).

O Exército entrará com o pedido na Anatel para a liberação do trial na faixa de 700 MHZ, que no momento não está sendo utilizada no Rio de Janeiro.

Fonte: Decision Report

Hotel Melhora a Experiência de Seus Hóspedes Com a Tecnologia Sem Fio

Ritz-Carlton Grand Cayman Melhora a Experiência de Seus Hóspedes Com a Tecnologia Sem Fio da Motorola Solutions

Hotel de luxo que conta com 365 quartos e recebe turistas e executivos de todo o mundo oferece a seus hóspedes conexão sem limites

São Paulo – 9 de abril de 2014 – A Motorola Solutions Inc. (NYSE: MSI) anuncia que o hotel Ritz-Carlton Grand Cayman implementou uma solução sem fio WLAN da Motorola Solutions em todas as suas áreas, para oferecer aos hóspedes uma conexão com a internet de melhor qualidade. O Ritz-Carlton optou pela tecnologia WLAN por ser uma solução estável, confiável e escalável, que permite melhorar a satisfação do cliente, especialmente durante os momentos de maior demanda do dia.

Com a nova implemementação, os hóspedes desfrutam de conexão de alta velocidade para acessar a web e enviar dados de qualquer lugar do hotel, incluindo a sala de conferências. A tecnologia WLAN possibilita um serviço otimizado, já que permite à equipe do hotel estar conectada e ser mais rápida e efetiva no atendimento das necessidades dos hóspedes.

PONTOS IMPORTANTES

• A solução WLAN da Motorola Solutions oferece conectividade de alta velocidade sobre as bandas de 2.4 e 5 GHz a todos os hóspedes, com funcionalidades próprias da tecnologia WiNG 5, como uso inteligente da potência e do tráfego, roaming e segurança.
• Os pontos de acesso (APs) WLAN proporcionam conexão segura e desempenho empresarial confiável para qualquer ambiente, tanto interno como externo.
• A solução é controlada de maneira centralizada por dispositivos sem fio RFS7000, AP622, AP6562 e AP8132.
• Aplicativos de voz, vídeo e dados podem ser suportados por essa solução.
• Essa implementação foi feita em parceria com a Guest-tek, líder mundial em integração de tecnologia para a indústria hoteleira.

DEPOIMENTOS

“Estamos contentes por trabalhar em parceria com a Motorola Solutions no Ritz-Carlton Grand Cayman. A empresa foi escolhida para este hotel cinco diamantes porque sua solução cumpre com os padrões globais de redes proprietárias, que foram planejados visando a oferecer serviços de internet confiáveis para que os hóspedes possam estar conectados com seus colegas, familiares e amigos”, afirma Jerry Ulrich, vice-presidente de Tecnologia Informática do Marriott International Região do Caribe

“Para nós é um orgulho que o Ritz-Carlton tenha escolhido nossa solução de comunicações WLAN, permitindo-nos fornecer uma ferramenta que contribuirá com sua promessa de oferecer aos hóspedes uma conexão sem igual”, diz Thomas Moore, diretor da divisão Retail & Hospitality da Motorola Solutions para a Região América do Norte

Fonte: Motorola Solutions

Varejistas Reconhecem que Tecnologias Móveis Ajudam a Reduzir Custos

Estudo encomendado pela Motorola Solutions mostra que mercado de varejo acredita que atendimento pode melhorar com uso de inovações tecnológicas

A Motorola Solutions, provedora líder mundial em soluções e serviços de comunicação de missão crítica para governos e empresas, apresenta os resultados finais do estudo do mercado varejista brasileiro realizado pela Business Marketing Solution (BMS) a pedido da empresa. A análise teve como objetivo diagnosticar as tecnologias mais utilizadas e também reconhecer quais são suas capacidades de expansão. Dessa forma, foi possível entender se o setor está preparado para atender consumidores cada vez mais exigentes.

Os dados indicam que a maioria das empresas consultadas reconhece que o uso de soluções tecnológicas traz benefícios em diversos setores. Para 94% dos participantes, o emprego da tecnologia móvel ajuda a reduzir os custos. Mais de 98% dizem que o uso desses recursos permite melhorar a produtividade, enquanto 96% acreditam que o atendimento ao cliente também é impactado positivamente pela utilização de equipamentos tecnológicos. Dentre as empresas entrevistadas, as do Rio Grande do Sul são as que afirmam mais utilizar essas novas tecnologias.

O estudo foi realizado com 300 empresas varejistas no Brasil, dos segmentos de drogarias, eletroeletrônicos, supermercados, materiais de construção, lojas de departamentos e vestuário, que possuem no mínimo seis lojas. Os principais temas abordados foram as tecnologias de automação utilizadas nos caixas, gestão de logística e estoques, entrega de mercadorias, comunicação entre funcionários, entre outros.

PONTOS IMPORTANTES

• 78% das empresas consultadas utilizam leitores de código de barras na frente de caixa, e 61% desses aparelhos são fixos.
• Atualmente, 88% das empresas utilizam redes sem fio, e dos 12% que ainda não possuem wi-fi 9% pretendem implantar. Na Grande Porto Alegre, 100% das empresas consultadas já contam com o serviço.
• Das empresas ouvidas, 49% utilizam coletores de dados para fazer inventários, 39% no centro de distribuição, 30% no depósito e 20% para outras funções dentro das lojas.
• Em relação a entrega, 45% das companhias utilizam coletores de dados nos processos logísticos de distribuição de mercadorias para as lojas; 19% das empresas que não adotam esse sistema pretendem implementá-lo futuramente.
• Na capital paulista, 33% das empresas utilizam sistemas de automatização para agilização de filas nos caixas. Entre os que não utilizam, 14% pretendem implementar.
• No Estado de São Paulo, 28% das empresas utilizam sistemas de rádio para que os funcionários possam se comunicar. No Rio de Janeiro, o índice cai para 22%, e no Paraná, para 17%.
• 45% das empresas consultadas no Estado do Rio de Janeiro informaram que utilizam leitores de código de barras em seus centros de distribuição, enquanto 41% usam para a verificação de preços nas lojas.
• No interior do Paraná, 59% das empresas têm processos logísticos de distribuição de mercadoria automatizados com coletores de dados. Na grande Curitiba, esse número sobe para 75%.
• Entre as empresas consultadas, 49% já ouviram falar da tecnologia RFID, e entre as quais 4,73% declararam utilizar, mas entre as que não possuem a tecnologia, 36% pretende implantar.
• Na Região Centro-Oeste , 90% das empresas consultadas utilizam leitores de código de barras nos caixas, e 60%, nos centros de distribuição. No Nordeste, esse número é de 84% para a frente de caixas e 54% nos centros de distribuição.

DEPOIMENTO

“As constantes inovações tecnológicas afetam diretamente a forma de atuação do mercado varejista. É importante conhecer o impacto dessas mudanças e também a disposição das empresas em aceitá-las. Esse estudo permite que a Motorola Solutions reconheça as tendências e demandas do mercado, para então desenvolver e oferecer soluções que atendam às expectativas do consumidor, de acordo com as necessidades de cada região”, analisa Silaine Benzobás, gerente de vendas de mercados verticais da Motorola Solutions Brasil.

Histórico do estudo e metodologia

A primeira parte do estudo “O Futuro do Varejo” foi realizada em 2012 e contou com a participação de 150 empresas, que foram selecionadas pela BMS para representar uma amostragem de varejistas.
O resultado completo do estudo contou com um total 300 entrevistados. A margem de erro é de 4,8% e o índice de confiança é 90%.

Fonte: Motorola Solutions