Atacadistas aumentaram os gastos com mobilidade em 70% em 2011

De acordo com o Barômetro de Mobilidade Empresarial da Motorola Solutions, há na indústria um número crescente de empresas do setor investindo em tecnologia sem fio

De acordo com o Barômetro de Mobilidade Empresarial, estudo conduzido pela Motorola Solutions, Inc. (NYSE: MSI), 74% das empresas de atacado afirmam que seus gastos com mobilidade aumentaram em 2011, em comparação com 2010, enquanto 80% delas consideram que a mobilidade proporciona vantagens competitivas no mercado. Dessa forma, oito de cada dez empresas no setor reconhecem a crescente importância da mobilidade empresarial.

Com relação às tendências relacionadas aos terminais, haverá um acréscimo na utilização de telefones móveis VoIP no mercado, de 20% em 2011 para 45% em 2012. Ao mesmo tempo, haverá um aumento no uso de tablets, de 16% em 2011 para 31% em 2012. Os laptops têm a menor taxa de expectativa de crescimento para este ano, mesmo assim, são os dispositivos com a mais alta fatia de mercado no setor.

O Barômetro de Mobilidade Empresarial da Motorola Solutions busca compreender como as organizações, em diferentes mercados verticais, utilizam as tecnologias móveis e saber quais são as maiores tendências para o futuro, de modo a obter um domínio profundo das estratégias de negócios em um ambiente de contínua evolução tecnológica. O estudo incluiu organizações de países como Argentina, Brasil, Colômbia e México, as quatro principais economias da América Latina, que representam 74% do Produto Interno Bruto (PIB) da região. Continuar lendo

O uso da tecnologia móvel está cada vez mais importante

De acordo com o Barômetro de Mobilidade Empresarial da Motorola Solutions, a indústria hoteleira considera a implementação de tecnologias móveis e sem fio cada vez mais importante, e um aumento nos gastos é aguardado para este ano

De acordo com o Barômetro de Mobilidade Empresarial conduzido pela Motorola Solutions, Inc. (NYSE: MSI), 88% das empresas do setor hoteleiro na América Latina afirmam que a importância do uso de tecnologias sem fio aumentou em 2011 e 64% das empresas acreditam que os gastos em 2012 serão maiores que em 2011. Por sua vez, 82% das empresas concordam que o uso de tecnologias móveis e sem fio proporciona uma vantagem competitiva em relação às demais empresas do setor.

Telefones móveis VoIP e tablets serão os dispositivos com maior crescimento na indústria este ano: haverá um aumento de 15% para 36% em telefones móveis VoIP; e um aumento de 23% para 36% em tablets. Embora os laptops e os telefones celulares sejam os dispositivos com a maior fatia de mercado hoje, serão os aparelhos com menor crescimento, com projeção de crescimento de apenas três pontos percentuais.

O Barômetro de Mobilidade Empresarial da Motorola Solutions para a América Latina busca compreender como as organizações em diferentes mercados verticais utilizam tecnologias móveis e saber quais são as maiores tendências para o futuro, de modo a obter um domínio das estratégias de negócios em um ambiente de crescente evolução tecnológica. O estudo englobou organizações de países como Argentina, Brasil, Colômbia e México, as quatro principais economias, que representam 74% do Produto Interno Bruto (PIB) da região. Continuar lendo

Radiocomunicação

1) O que é radiocomunicação?

Radiocomunicação é o termo genérico utilizado para definir o meio de comunicação via rádio.

A radiocomunicação pode ser de dados (internet via rádio, sistemas de transmissão de dados) ou de voz (rádios que transmitem conversações). Existem várias finalidades como o radioamadorismo, radiocomunicação comercial, supervisão e controle, serviço de rádio-táxi, móvel marítimo, móvel aeronáutico, entre outros.

O objeto de nosso trabalho é a radiocomunicação comercial, que se destina à coordenação de grupos de trabalho para fins de produção de bens e serviços. Nosso público é formado na grande maioria por empresas, portanto é correto afirmar que atendemos o segmento corporativo, empresas de médio e pequeno porte e em raros casos pessoa física, como produtores rurais e autônomos.

2) No que a radiocomunicação difere de outros meios de comunicação?

Comunicação em grupo de 10, 20, 30 ou mais pessoas integradas no mesmo canal, muito utilizada por concessionárias de água, eletricidade, segurança pública, indústrias de grande, médio e pequeno porte. Interação imediata de todos com todos. Diferente de operadoras de celulares onde o serviço é de no máximo até três usuários. Outra vantagem é que o serviço pode ser moldado exatamente à necessidade do cliente.

3) Quais são as vantagens da radiocomunicação sobre os outros meios de comunicação? E as desvantagens?

A radiocomunicação comercial tem muitas vantagens sobre outros meios de comunicação:

a) O serviço não é tarifado, após o investimento no equipamento utiliza-se à vontade 24 hora por dia sem custos adicionais.
b) pode ser customizada sob medida com o objetivo de atender a necessidade de sua empresa.
c) instrumento eficaz na coordenação de equipes e frentes de trabalho, já que todos os usuários se inteiram em tempo real do andamento do serviço.
d) durabilidade do equipamento de pelo menos cinco anos, ao contrário de aparelhos celulares/nextel.
e) robustez: os equipamentos profissionais de boa qualidade atendem aos requisitos de normas militares no que diz respeito a temperatura e impacto, tornando o custo/beneficio ainda mais atraente.
4) A radiocomunicação demanda que tipo de investimento, e em que monta? Continuar lendo